ES HOJE

 
Vitória, ES.
Grande Vitória
Oferecimento:

Santo Antônio ficará sem o Auto da Paixão de Cristo pelo 2º ano consecutivo

Foto:
Pelo segundo ano consecutivo a comunidade de Santo Antônio, em Vitória, não terá o famoso Auto da Paixão de Cristo. Segundo a organização do evento, as encenações foram suspensas por falta de planejamento da Prefeitura de Vitória, que não convocou para reuniões de organização.
O espetáculo em Santo Antônio seria realizado no próximo dia 14 e o público estimado era de seis a oito mil pessoas. De acordo com a diretora artística e de produção do Auto da Paixão de Cristo de Santo Antônio, Márcia Gaudio, foi esperado que a prefeitura convocasse a produção para reuniões de organização do evento, mas isso não aconteceu.
“Iríamos nos apoiar na Lei Rubem Braga, mas não saiu. Esse evento está no calendário do município. Eu chamo a atenção para a preservação artística, cultural, conteúdo e conceito desse lugar. É uma falta de respeito”, afirma Márcia.
O Padre Roberto Camillato, do Santuário de Santo Antônio, diz que em razão da contenção de despesas que abrangeu todos os setores, inclusive municipais, não foi possível acertar pontualmente com a Secretária de Cultura da Prefeitura de Vitória os tramites necessários para acontecer o auto. Além disso, O padre explica que diante das eleições realizadas em 2016, não havia a certeza de que poderiam ser beneficiados pelo custeio do Auto da Paixão de Cristo, em vista da crise econômica em geral.
Segundo Camillato, a expectativa é que no próximo ano aconteça outra edição do evento. “Para 2018, nós vamos estabelecer uma comissão ampla na paroquia de Santo Antônio para podermos fazer valer a tradição de mais de 20 anos de apresentação. Encaminharemos para a prefeitura de Vitória a solicitação de podermos ser atendidos em favor dessa causa religiosa e cultural para a cidade de Vitória”, aponta.
O professor Jefferson Luiz Alvarenga, 47 anos, trabalha na região e conta que muitas pessoas falam como é bonito, além de ele já ter participado uma vez para se basear para uma outra apresentação em Cariacica. “O mais importante é a mobilização do bairro. É uma coisa feita pela comunidade. Perda essa organização da população que se junta para fazer o evento. Quando vi, foi muito bem feito, muito bem preparado. Inclusive uma das partes, no qual cortam a cabeça de João Batista, a gente se baseou e queria até fazer igual, mas não ficou tão bom quanto o deles”, aponta.
A estudante Flávia Correia Santos, 25 anos, conta que foi apreciar o evento várias vezes com a família. “A gente costumava ir sempre. Somos religiosos e para a gente é importante relembrar esse momento e nada melhor do que ver a representação”, conta.
A Prefeitura de Vitória, por meio da Secretaria Municipal de Cultura, informou que as encenações do Auto da Paixão de Cristo é um evento organizado e realizado por produtores culturais independentes e que, ao longo dos últimos anos, apoiou diversas edições do evento. Também explicou que para apoiar quaisquer eventos é necessário que o solicitante protocole um pedido formal, com 30 dias de antecedência para que a proposta seja analisada. Até o momento, nenhuma solicitação foi encaminhada para as apresentações de 2017.

Comentários

O ESHOJE não publicará comentários ofensivos, obscenos, racistas, que estimulem a violência, sejam contra a lei ou não correspondam ao assunto da reportagem. Consulte nossa Política de Privacidade.

0 comentários publicados


Mais lidas
Facebook


ESHOJE © 2012, Todos os direitos reservados Anuncie   •   Fale Conosco